Início Minhas orquídeas Paphiopedilum leeanum – o fruto de um resgate (2014)

Paphiopedilum leeanum – o fruto de um resgate (2014)

1249
0
COMPARTILHAR
1025 - Paphiopedilum Leeanum
1025 - Paphiopedilum Leeanum
HashFlare

Como alguns de vocês sabem, há dois anos achei um vaso com uma orquídea jogado no lixo de uma casa aqui perto.

Com dó, trouxe a planta para casa – bastante debilitada – e comecei a cuidar para que ela tivesse uma nova chance de vida.

Dois anos depois, ela já está forte o suficiente para soltar três flores e agradecer pelos cuidados recebidos. Quem sabe ano que vem ela vem com mais.

Infelizmente, as pessoas com menos informação acham que orquídeas são parasitas que, assim que acaba a florada, podem ser jogadas fora. Ledo engano, nossas orquídeas são muito mais que isto.

Bom, que eu continue a achar vasos por aí e possa cuidar bem delas.

Se quiser conferir o post de 2013 clique aqui!

Paphiopedilum leeanum

Conhecida como: Paphiopedilum Leeanum Lawrence 1884;
Híbrido entre: Paphiopedilum insigne (pai) X Paphiopedilum spicerianum (mãe);
Planta: Híbrido nativo, terrestre, 20 centímetros;
Flor: 8 centímetros;
Época de floração: inverno;
Longevidade das flores: 30 dias;
Fragrância: não;
Luminosidade: média, alta;
Umidade: média, alta;
Temperatura: média;
Dificuldade de cultivo: baixa;

1421 – Paphiopedilum leeanum
Paphiopedilum leeanum
1421 – Paphiopedilum leeanum
Paphiopedilum leeanum
1421 – Paphiopedilum leeanum
Paphiopedilum leeanum

Abraços

Deixe uma resposta