Início Orquídeas Brasiliorchis schunkeana

Brasiliorchis schunkeana

2247
0
1001 - Brasiliorchis schunkeana
1001 - Brasiliorchis schunkeana

Revivendo um dos primeiros posts deste singelo blog, eis a raríssima Brasiliorchis schunkeana.

Cumé?

Ah, tem gente que acha que esta planta é rara, afinal, não é todo dia que vemos uma “orquídea preta”. Balela. Ainda bem que temos uma rede de informações que, em muitos casos, é útil, chamada internet. Ninguém é mais enganado. A não ser que não queira, claro…

Afinal, vocês não viram aquele anúncio que coloquei no Facebook da orquídea rara de 8000 reais?

O mundo está cheio de aproveitadores. É só não se deixar levar pelo ufanismo que você nunca será enganado. Rara orquídea negra? Azul? Fuja.

Bom, depois de tanto tempo minha schunkeana resolveu dar o ar da graça. Há uns dois anos sem florir, agora ela resolveu soltar três flores para dizer que está ali, viva, firme e forte. Aí eu já penso: por que depois de tanto tempo? Pois é, meus amigos, acontece que está pequena preciosidade gosta de adubação mesmo. Foi só eu iniciar a adubação em dezembro que a planta já duplicou de tamanho e já está me presenteando com flores. Já tinha lido isto em outros sites, que ela era meio fominha, mas não tinha dado bola.

Pelo jeito é verdade.

Ficha da planta – Brasiliorchis schunkeana

Conhecida como: Maxillaria schunkeana M.A. Campacci & R.A. Kautsky 1993;
Sinônimo: Brasiliorchis schunkeana (Campacci & Kautsky) R.B.Singer, S.Koehler & Carnevali 2007;
Origem: Mata Atlântica, Brasil – entre 600 e 700 metros de altitude;
Planta: Epífita, 15 centímetros;
Flor: 1 centímetros;
Época de floração: primavera e outono, normalmente;
Longevidade das flores: 15~20 dias;
Fragrância: não;
Luminosidade: média;
Umidade: média;
Temperatura: média;
Dificuldade de cultivo: baixa, mas adube!

1001 - Brasiliorchis schunkeana

1001 - Brasiliorchis schunkeana

Abraços!

Artigo anteriorMasdevallia floribunda
Próximo artigoBulbophyllum Louis Sander
Nascido na apaixonante cidade de Curitiba. Fã de Formula 1, trabalha com tecnologia da informação. Divide seu tempo livre entre as suas paixões: família, fotografia, aquarismo e a orquidofilia. Tem quatro gatos e uma ararajuba barulhenta.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here